30 dias no Sri Lanka: custos

Viajar no Sri Lanka não é tão dispendioso como pode parecer à primeira vista, sendo contudo um local pouco atractivo para backpackers, pois as infraestruturas de turismo estão mais vocacionadas nas excursões e nos grupos organizados por agências de viagem. Um turismo mais focado em resorts, boutique hotels, heritage houses, tea states… onde a maioria dos turistas viaja de taxi ou de avião, sendo raro encontrar estrangeiros em autocarros ou comboios, excepto na linha férrea que atravessa  o Hill Country e as plantações de chá.

Contudo o Sri Lanka atrai alguns backpackers, especialmente os que procuram os surf spots e outros que escolhem esta ilha como paragem intermédia entre a Índia e o Sudoeste Asiático.

Contudo, apesar do pouco “backpackers friendly”, viajar no Sri Lanka pode ser uma opção mesmo para reduzidos orçamentos, desde que se opte por usar os transportes públicos (bus e comboio), por dormir em guest houses ou homestays, por evitar as mais populares atrações turísticas, monumentos, templos, parques naturais… basicamente tudo o que envolva excursões ou um bilhete de entrada!

A comida é muito barata, e os restaurantes locais oferecem bastante qualidade a preços muito baixos. A comida de rua é ainda mais barata e geralmente com qualidade.

Os transportes, autocarros e comboio, são extremamente baratos em proporção directa com a lentidão e a falta de conforto.

Custo: 14€/dia

 

Divididos da seguinte forma:

32% comida

45% alojamento

5% transportes

10% cultura e turismo

8% diversos

 

Este valor foi obtido tendo em conta:

  • Todas as viagens formam feitas de comboio ou de autocarro; somente dois tuk-tuks.
  • Praticamente todas as refeições foram em restaurantes de comida local ou street-food. Incluí pelo menos um rice and curry, snacks, fruta e “king coconut” por dia.
  • A água consumida foi em grande parte da torneira, dado que no Sri Lanka é segura, em especial nas cidades.
  • O alojamento foi em guest houses, homestays e alguns budget hotels; maioritariamente em quartos com casa-de-banho. Nunca com ar-condicionado, ou pequeno-almoço incluído.
  • Algumas estadias foram com quarto partilhado.
  • As estadias nas praias da costa Este foram em época baixa; na costa Oeste foram durante a época alta.
  • Nenhum alojamento foi reservado. No local é quase sempre possível negociar um desconto, em especial se se estiver a viajar em época baixa.
  • Inclui somente uma visita um dos muitos locais turísticos: Sigiriya, cerca de 28€… o mais caro por sinal!
  • Não inclui excursões, guias, actividades desportivas ou visitas a parques naturais.
  • Não inclui os custos do Visto.

 

Preços em Janeiro de 2016:

  • Um quarto individual custa no mínimo 1000 LKR
  • Bilhete de comboio Kandy-Colombo (2ª classe): 190 LKR (normal) ou 280 LKR (express)
  • Bilhete de Bus Kandy-Colombo: 160 LKR (115 km)
  • Rice and curry: entre 100 a 200 LKR
  • King coconut: 50 LKR
  • 5 maçãs: 100 LKR
  • Roti (street food): 30 LKR
  • Kottu: 70 LKR

 

Custo do Visto: 35USD

http://www.eta.gov.lk/slvisa/visainfo/fees.jsp?locale=en_US

 

Sri Lanka daily costs: 14€

Sri Lanka daily costs: 14€

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s